quarta-feira, 28 de maio de 2014

RESENHA: DISCO EXTRA BOND 50 ANOS

GUIA DOS EXTRAS DOS BLU-RAYS

Pesquisando na web, senti falta de um resumo do que vem de extras realmente nos blu-rays. O que vi por aí, resume demais, deixando a desejar.

Tem extras especiais, da série em geral, que bem que poderia estar em disco à parte, mas resolveram misturar nos 23 discos, junto com os extras do filme.

Por exemplo, se quero rever aquele extra especial sobre as armas de Bond, ou dos carros, ou das Bond-girls, tenho que ficar colocando os mais de vinte discos, procurando loucamente.


Resolvi eu mesmo fazer o serviço e mostrar os detalhes, marcando o caminho das pedras em cor diferenciada.


DISCO EXTRA BOND 50 ANOS

Na caixa comemorativa BOND50, temos um disco de extras especial.

O que mais gosto nele é a compilação com todas as músicas das aberturas da série (exceto o último, Skyfall).

Dá 01:02 horas de pura viagem, com todas aquelas cenas em silhuetas femininas em câmera lenta que tanto agrada aos olhos.

Resumo do conteúdo:
PARA SER BOND
 * Entrevista com todos os atores que fizeram 007, comentando sua composição do personagem.  (03:08 min)

PROJETANDO 007: CINQUENTA ANOS DE ESTILO BOND
 * Documentário sobre a exposição "Barbican Bond 50 Years Style", onde vemos uma retrospectiva dos modelos clássicos, conceitos, artes, cenários e objetos icônicos da franquia pela perspectiva do design. (04:01 min)

VIDEOBLOGS DE SKYFALL (10:51 min)
 * Coletiva de imprensa, com o lançamento do "Bond 23", onde anunciam o título "Skyfall"
 * Entrevista com Sam Mendes
 * Entrevista com a bond-girl Naomi Harrris
 * Entrevista com a bond-girl Bérénice Marlohe
 * Equipe de produção procurando locações - Atualizações de Xangai
 * Entrevista com Dennis Gassner, o diretor de arte (prodution designer) explicando que com sua função, ele seria como que "o arquiteto do filme"
 * Entrevista com a figurinista de Skyfall, Jany Temime, sobre os ternos de Daniel Craig, explicando como vestir 007 para a ação.

O MUNDO DE BOND
 * Aberturas (01:02:32 min) Uma maravilhosa compilação com mais de uma hora, com as canções tema dos 22 primeiros filmes, todas com legendas. Ou seja: as aberturas dos filmes reunidas num super videoclipe. Ótimo para quando não tiver o que fazer, tomar uns drinks assistindo a lindas mulheres em coreografias e silhuetas, cantando bem alto aquela música favorita inesquecível
 * Equipamentos (03:03 min)
 * Vilões (02:22 min)
 * As garotas de Bond (01:24 min) Obs: Deixo aqui meu protesto, pois faltou na compilação das beldades, a maravilhosa CAROLINE MUNRO, uma das mais lindas.
 * Locações (01:40 min)
 * Bond em movimento (01:43)


CAROLINE MUNRO, ESQUECIDA NO CLIPE!

RESENHA:23-2012-OPERAÇÃO SKYFALL

CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR OS DETALHES
Skyfall - Operação Skyfall
Espionagem/Thriller/Ação
País: UK, USA
Diretor: Sam Mendes
Daniel Craig, Judi Dench, Javier Bardem, Ralph Fiennes, Naomie Harris, Albert Finney

SINOPSE:
James Bond (Daniel Craig), o veterano agente secreto, precisa descobrir quem está orquestrando um plano contra a sua agência.

DANIEL CRAIG: THE ULTIMATE BOND

Primeiro roubam uma comprometedora lista de agentes, depois um atentado à bomba causa uma crise que leva ao afastamento de "M" (Judi Dench )e leva a cúpula do MI6 a julgamento.

-x-

JAMES BOND CAPTURADO PELO PERTURBADO VILÃO SILVA (JAVIER BARDEM)
Numa produção impecável, temos mais uma grande aventura do agente 007, dessa vez com alguns elementos que, para mim, enfraqueceram o enredo.

A AGENTE DE CAMPO EVIE (NAOMIE HARRIS), ANTES DE SE TORNAR MONEYPENNY
Não quero colocar spoilers aqui, mas eu achei a história meio simplória e não encontrei motivações sustentáveis nas atitudes de alguns personagens.

A BELÍSSIMA SEVERINE (BÉRÉNICE MARLOHE)
Em compensação, a cena inicial da perseguição do trem é grandiosa, apesar de um pouco exagerada, nos lembrando que É UM FILME DE JAMES BOND, onde seriam "normais" tais sequências épicas.

Para mim, é antológica a luta climática, quase toda em silhueta, muito bem coreografada entre Bond e um assassino “sniper”, no alto de um edifício.

PERSEGUIÇÃO ÉPICA! NA MELHOR TRADIÇÃO DAS PROEZAS DE DUBLÊS, QUE TANTO MARCAM OS FILMES DE JAMES BOND, SENDO UMA DE SUAS PRINCIPAIS ASSINATURAS.
Achei interessante o enfoque questionador, sobre a idade de Bond e do próprio departamento estar obsoleto, para os tempos modernos, onde cada vez mais o termo "secreto" fica difícil de se manter.
SKYFALL É UMA PROPRIEDADE DA FAMÍLIA BOND, ONDE 007 E M SE REFUGIAM PARA COMBATER SEUS PERSEGUIDORES, E NÃO TEM NADA A VER COM OPERAÇÃO ALGUMA!
Eu não gosto muito do final, na propriedade Skyfall (Sim! Nada a ver o título em português, dado provavelmente por quem nem viu o filme, ou para efeitos dramáticos), da família de Bond, parecendo mais um faroeste, mas a cena de ação imediatamente anterior, a do tribunal, é bem mais empolgante. Aliás, não entendi até agora o porquê de se sentirem mais protegidos ali, naquele fim de mundo.

BÉRÉNICE, BÉRÉNICE... CAIU DO CÉU!
Também critico a escassez de "bond-girls", e a economia em gadgets avançados dados pelo novo "Q". Também acho que não deviam deixar de abrir um filme de 007 com a cena clássica do agente atirando no cano da arma (gun barrel).

Acho estranho que os realizadores estejam fugindo do "estilo" que tanto marcou a franquia por décadas. Não é coisa que um fã típico goste muito... Mas outros fãs devem surgir.

007 E M, ENFRENTANDO SEU DURÍSSIMO DESTINO
Em linhas gerais, não entendo porquê muitos dizem ser esse o melhor filme de 007 dos últimos tempos, pois achei CASINO ROYALE espetacular, mas como um todo, ainda acho SKYFALL bastante assistível, ficando acima da média.

De qualquer forma, os produtores prepararam o terreno para que de agora em diante, as novas aventuras de James Bond estejam mais condizentes com o mundo real, e atual.



Nota: 7

-x-

GUIA DOS EXTRAS DO BLU-RAY:


Como SKYFALL é relativamente recente, os extras estão em formato diferente dos primeiros discos. Com o tempo, imagino que todos serão padronizados... ou não?

*COMENTÁRIOS: *1-Do diretor Sam Mendes
                                2-Bárbara Broccoli, Michael G. Wilson e o designer Dennis Grassner

*BÔNUS:
FILMANDO BOND (59:24 Min)
  -Introdução
  -Sequência de Abertura
  -A Sequência do Título
  -007
  -Q
  -DB5
  -Mulheres
  -Vilões
  -Ação
  -Locações
  -Música
  -Sequência Final
  -M
  -O Futuro

 SKYFALL PREMIÉRE (04:28 Min)

 TRAILLER

 TRILHA SONORA PROMOCIONAL (00:40 Min)


RESENHA:22-2008-THE QUANTUM OF SOLACE

CLIQUE PARA AMPLIAR
22-2008-THE QUANTUM OF SOLACE
Diretor: Marc Foster
Ator: Daniel Craig

SINOPSE:
Numa abertura violenta, estilo Road Warrior, Bond foge com o prisioneiro Mr.White (vilão do final de CASINO ROYALE), perseguido por bandidos que tentam impedir a todo custo o complemento da missão, que é a entrega do chefe ao MI6.


A EDIÇÃO É PICOTADA DEMAIS EM ALGUMAS CENAS
Durante o interrogatório que se segue, o vilão é resgatado, e na perseguição alucinante que se segue, 007 vai coletando pistas que o levam a outros membros da organização de Mr.White, a QUANTUM.


ESPECIFICAMENTE NESSA SEQUÊNCIA, O RESULTADO FICOU EXCELENTE!
Ajudado por uma parceira que secretamente também está em busca de vingança, a perigosa Camille (Olga Kurylenko), Bond se infiltra na organização e enfrenta o vilão Dominic (Mathieu Amalric), que prepara um conchavo com um militar boliviano, o general Medrano, aparentemente para realizar bilionários negócios escusos do ramo do petróleo. 


DOMINIC (MATHIEU AMALRIC), TALVEZ O VILÃO MAIS COMUM DA FRANQUIA... AGOSTINHO?

Mas a trama é mais do que parece, e novas revelações surgem, e muita ação se desenrola, antes que 007 (e Camille) consiga sua vingança.


O GENERAL MEDRANO (JOAQUÍN COSIO) E DOMINIC (MATHIEU AMALRIC), BOND-VILÕES
-x-

O filme começa uma hora após CASINO ROYALE, sendo uma continuação direta da trama anterior.


A CURTA E GROSSA CAÇADA INICIAL, PELAS RIBANCEIRAS DE SIENA
A cena de abertura tem uma cinética fenomenal! Mesmo sendo muito curta, eu gostei bastante dos efeitos de som e da edição frenética, onde os carros se atacam violentamente, em meio a muitos tiros e batidas. Muito bom!
PERSEGUIÇÃO A PÉ, DE CARRO, DE EMBARCAÇÕES E DE AVIÕES, TUDO NUM SÓ FILME!
Agora, falando em edição, várias lutas foram pessimamente editadas, já que enfiaram tantos cortes em tão poucos segundos, que a coreografia (se é que teve alguma) foi para o espaço, deixando tudo confuso. Mas a luta de Bond com o assassino dentro da obra, conseguiu escapar, e ficou muito boa!


AGOST... ERRR DOMINIC E CAMILLE
O fã tradicional dos filmes de 007 podem estranhar que o vilão principal seja uma pessoa tão comum, mas foi escolha dos produtores, que desta vez não queriam algo que deformasse ou tornasse o vilão algo freak. Questão de estilo, mas o curioso é que muitos (inclusive eu) acharam Dominic muito parecido com Pedro Cardoso, o Agostinho do seriado A Grande Família, mas tudo bem...


A PRINCIPAL BOND-GIRL, OLGA KURYLENKO
Esse é o primeiro filme da franquia em que temos todos os tipos de perseguição: A pé, de carros, barcos e aviões. Com certeza queriam bater algum tipo de marca. Pelo menos dá algum gás ao roteiro não tão empolgante.


VESTIDA PARA MATAR!
Temos de volta a sequência da bala saindo do cano da arma, a famosa "Gun barrel", para a alegria dos fãs... Acho realmente que podiam inseri-la de algum modo em CASINO ROYALE para manter o padrão.


BOND PROTEGENDO A BOND-GIRL
O termo Quantum of Solace, é uma referência direta ao desejo de vingança de James Bond, pela morte de Vesper em Casino Royale, e poderia significar algo como "Quantidade de alívio" ou "Um pouco de consolo", ou "Alguma compensação, ou conforto"


OLGA E GEMMA ATTERTON, QUE FAZ A AGENTE STRAWBERRY FIELDS

NOTA: 7,0 (15º lugar)

-x-

GUIA DOS EXTRAS DO BLU-RAY:

Como THE QUANTUM OF SOLACE é relativamente recente, os extras estão em formato diferente dos primeiros 20 discos. Com o tempo, imagino que todos serão padronizados... ou não?

Bônus

 * Clipe musical "Another Way to Die" (04:30 min)
 * Bond nas Locações (24:45 min)
 * O início das filmagens (02:54 min)
 * Nas locações (03:14 min)
 * Olga Kurylenko e a perseguição de Lancha (02:14 min)
 * O diretor Marc Foster (02:45 min)
 * A música (02:36 min)
 * Arquivos da Produção (45:30 min) (32 perfis dos membros da produção)
 * Teaser trailler 1
 * Trailler 2

RESENHA:21-2006-CASINO ROYALE


CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR
21-2006-CASINO ROYALE
Diretor: Martin Campbell
Ator: Daniel Craig

SINOPSE:
O agente James Bond acaba de ser elevado à categoria especial "00", com permissão para matar, fazendo parte agora de uma casta de 9 homens, sendo ele o sétimo do grupo (007).


UM JAMES BOND (DANIEL CRAIG), MESMO HIPER DURÃO, MAIS REALISTA
Sua missão inicial o leva a impedir uma explosão num aeroporto, e as pistas coletadas levam o MI6 a usar Bond num disfarce de jogador para limpar o especulador e traficante internacional de armas Le Chifre, no famoso Casino Royale, em Montenegro, deixando o vilão sem condições de pagar seus credores, para que o próprio MI6 o proteja em troca de informações.

Durante a missão, Bond se envolve com a bela Vesper, agente interna, iniciando um tórrido romance paralelo à missão.


O GRANDE VILÃO, LE CHIFFRE (MADS MIKKELSEN) QUE SEMPRE CHORA SANGUE
-x-

Casino Royale é um filmaço! Dá gosto de ver essa nova cronologia de James Bond, em suas primeiras missões "00".

Muito bem escrito, à seis mãos, o roteiro nos conduz a um personagem, apesar de durão, mais realista e humano do que nos outros filmes da franquia.


A LINDÍSSIMA EVA GREEN FAZ O GRANDE AMOR DA VIDA DE 007, VESPER LYND
Ótimos diálogos entre os personagens, principalmente entre James Bond e M e entre ele e Vesper, em nuances reveladoras, dando profundidade aos mesmos.


007, BENDITO SOIS, ENTRE AS BELAS SOLANGE (CATERINE MURINO) E VESPER (EVA GREEN)
Gostei bastante do tom mais realista, e do ritmo das cenas de ação, que são muitas. Dizem que a série BOURNE ajudou a definir o estilo seco das cenas de ação de vários filmes, inclusive de Casino Royale, e é curioso pensar que quem criou/desenvolveu os livros de BOURNE, pegou alguma inspiração de Ian Fleming, que gerou a franquia de filmes de 007, que um dia seria inspirado nos filmes de BOURNE...


MESMO NUMA CURTA APARIÇÃO, VALENKA (IVANA MILICEVIC) SE DESTACA COMO BOND-GIRL
A implacável perseguição inicial na áfrica, com direito a muito Le Parkour, graças ao ator francês Sébastien Foucan, fazendo papel do terrorista Mollaka, é super-empolgante. Uma das melhores de todos os 007.
SÉBASTIEN FOUCAN, ARRASANDO NOS SALTOS, COMO MOLLAKA, FAZENDO BOND SUAR...
A cena do atentado no aeroporto também é alucinante, em meio a carros e decolagens, com muita luta bem coreografada. Show de bola total!
EVA GREEN FAZ UMA ELEGANTE VESPER, ATRAINDO TODOS OS OLHARES DO CASINO
Tem também uma luta entre Bond e dois vilões na escadaria do hotel, que também chama a atenção pela violência, mostrando como ele é um agente realmente durão.

Por falar em durão, esse James Bond provavelmente entrou para a história como o mais durão de todos, já que numa chocante cena de tortura, ele usa seu treinamento para resistir mentalmente ao massacre, CHEGANDO MESMO A SORRIR! Mas tudo bem! Deve ser parte da técnica para desencorajar o torturador...
JAMES BOND (CRAIG) SENDO PRATICAMENTE TRUCIDADO POR LE CHIFFRE (MIKKELSEN)

Achei incrível também a explosiva batalha entre Bond e vários bandidos num prédio em obras em Veneza. É TUDO MUITO BEM FEITO! E não dá para perceber o que é miniatura, ou o que é real, quando o prédio oscila e desmorona nas águas, COM TODO MUNDO DENTRO! Demais... demais...
A IMPRESSIONANTE SEQUENCIA, ONDE O COMBATE É DENTRO DE UM EDIFÍCIO DESMORONANDO!
Fora as reviravoltas surpresas e as emoções arrebatadoras, que não podem ser spoileadas de jeito nenhum!

É um dos melhores Bonds de todos os tempos. Tem que ficar perto do topo!


APESAR DOS GADGETS "SIMPLES", MUITA MARRA DE 007, MAS É SOMENTE PARA QUEM PODE!

NOTA: 8,9 (4º lugar)

-x-

GUIA DOS EXTRAS DO BLU-RAY:

Como CASINO ROYALE é relativamente recente, os extras estão em formato diferente dos primeiros 20 discos. Com o tempo, imagino que todos serão padronizados... ou não?

COMENTÁRIOS:  * Da equipe de produção

BÔNUS:
 - Cenas excluídas (07:32 min) - 4 cenas
 - A estrada para o Casino Royale (26:35 min)
 - A incrível criação de Ian Fleming (21:16 min)
 - James Bond nas Bahamas (24:17 min)
 - Ian Fleming: A estrada secreta para o paraíso (24:29 min)
 - Morte em Veneza (23:20 min)
 - Tornando-se Bond (26:18 min)
 - James Bond de verdade (23:34 min)
 - Clipe musical com Chris Cornell (04:09 min)

RESENHA:20-2002-UM NOVO DIA PARA MORRER - DIE ANOTHER DAY

CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR
20-2002-UM NOVO DIA PARA MORRER - DIE ANOTHER DAY
Diretor: Lee Tamahori
Ator: Pierce Brosnan

SINOPSE:
Na trepidante abertura, James Bond se infiltra numa transação entre contrabandistas de armas e diamantes, na fronteira entre as duas Coréias, e logo é descoberto, desencadeando uma violenta perseguição com hovercrafts de guerra, onde mata o general norte-coreano Moon, e em seguida é capturado, ficando sob tortura por meses, até ser trocado por Zao, comparsa de Moon, que o MI6 tinha capturado. 


EM AÇÃO ESTONTEANTE, BOND BOTA PRA QUEBRAR NA CORÉIA
Tentando recapturar Zao, Bond e a agente americana Jinx (Halle Berry) deslindam uma trama em que o milionário aventureiro Gustave Graves (Toby Stephens), do ramo de extração de diamantes, financia uma poderosa arma de destruição em massa, em órbita da terra, com o nome de Ícarus.


GENERAL MOON (WILL YUN LEE) E ZAO (RICK YUNE), VILÕES PODEROSOS, ESCONDEM SEGREDOS
Ainda por cima, um agente do MI6 se revela traidor, complicando a missão. Inicia-se assim, uma corrida contra o tempo, para impedir que o vilão Graves torne Ícarus operacional, e realize seus planos megalomaníacos.
TOBY STEPHENS, FAZ GUSTAVE GRAVES, O MAGNATA QUE ESCONDE UM PLANO MALIGNO.
-x-

Último filme de Pierce Brosnan como 007 e último da cronologia original da franquia clássica, foi um dos maiores sucessos de bilheteria.
A GOSTOSA HALLE BERRY FAZ UMA BOND-GIRL ESPEVITADA, A AGENTE AMERICANA JINX 
O filme é de temática fantástica, sendo bem próximo das aventuras escapistas dos quadrinhos, com alguns exageros de roteiro, em prol da diversão descompromissada. O clima está meio FC (Ficção científica), e tem até carro invisível!
MIRANDA FROST (ROSAMUND PIKE), UMA BOND-GIRL EM TODA SUA FRIA BELEZA
Os vilões são acima da média, dando conta do recado, e também temos três bond-girs interessantíssimas: Halle Berry, como Jinx, da inteligência americana, estilo morena tropical, e seu oposto, a gélida Rosamund Pike, como Miranda Frost, e Madonna, a intérprete da canção-tema, como a treinadora de esgrima Verity.
GRAVES, FROST, VERITY (MADONNA) E BOND, ÀS VÉSPERAS DE UM DUELO ESPETACULAR!
É o último filme a seguir a fórmula clássica, com Bond usando equipamentos fornecidos por um premonitório Q, terminando por usar todos para se safar dos perigos.
ZAO (RICK YUNE), UM DOS VILÕES EM AÇÃO!
O formato deixará saudades, já que o próximo filme, CASINO ROYALE, dá um RESET e recomeça a saga desde as primeiras missões de 007, utilizando outro formato, meio estilo IDENTIDADE BOURNE, com um Bond seco e durão, sem os GADGETS salvadores.
VINTE FILMES, UM FORMATO! DIE ANOTHER DAY, ENCERRA O CLÁSSICO "ESTILO 007"

NOTA: 8,1 (8º lugar, junto com MARCADO PARA A MORTE, numa comparação normalizada entre todos os filmes da franquia)

-X-

GUIA DOS EXTRAS DO BLU-RAY:

*COMENTÁRIOS: 1-Pierce Brosnan e Rosamund Pike / 2-Lee Tamahori e Michael G. Wilson / 3-Fluxo de dados do MI6 (Textos informativos)
*BÔNUS
   FINALMENTE LIBERADO: DOS ARQUIVOS SECRETOS DO MI6
     * Do roteiro ás telas (51:40 min)
     * Batido e mexido no gelo (23:35 min)
     * Apenas mais um dia (23:39 min)
     * O toque britânico: Bond chega a londres (03:32 min)
     * Na locação com Peter Lamont (13:51 min)
     * Créditos
   CONTROLE DA MISSÃO DE 007
     * 007 / BOND GIRS / ALIADOS / VILÕES / DEP. Q / LOCAÇÕES
   BANCO DE IMAGENS

RESENHA:19-1999-O MUNDO NÃO É O BASTANTE - THE WORLD IS NOT ENOUGH

CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR
19-1999-O MUNDO NÃO É O BASTANTE - THE WORLD IS NOT ENOUGH
Diretor: Michael Apted
Ator: Pierce Brosnan

SINOPSE:
Na mais longa e mais cara abertura já filmada para a série, um magnata do petróleo e velho amigo de M é morto numa explosão DENTRO da sede do MI6, fazendo James Bond receber a missão de proteger a herdeira Elektra (Sophie Marceau) de outros atentados.


JAMES BOND ESTÁ DE VOLTA (PIERCE BROSNAN)
Aos poucos, porém, Bond deslinda uma trama de roubo de plutônio, e encara um cruel bandido, Renard (Robert Carlyle, ótimo!) que não sente dor, enquanto precisa entender junto com a física nuclear, Dra. Christmas Jones (Denise Richards) qual é o objetivo da trama atômica.


O VILÃO QUE NÃO SENTE DOR, RENARD (ROBERT CARLYLE)
No meio disso tudo, M desaparece, sequestrada deixando o comando baratinado. Bond precisa agir rápido e eficientemente.

Aparentemente, o negócio é a destruição de oleodutos para adquirir soberania no negócio petroquímico, mas existe algo mais na trama.


A ASSASSINA SEM NOME, CIGAR-GIRL, MARIA GRAZIA CUCINOTTA, DANDO MUITO TRABALHO A 007
-x-

Um filme acima da média, um de meus preferidos. Pierce Brosnam está mais à vontade no papel do cínico agente da rainha.

A abertura realmente chama a atenção, e até esquecemos que é uma abertura, de tão longe que ela vai.


A DESLUMBRANTE DENISE RICHARDS, TURBINADAÇA, FAZ A BOND-GIRL CHRISTMAS JONES
A ação mantém o tom escapista bondiano, com explosões, tiros e perseguições de barcos tresloucadas, como manda a tradição. 


SOPHIE MARCEAU, A ELEKTRA, TORTURANDO (!?) JAMES BOND
As duas Bond-girls principais são lindíssimas, Sophie Marceau e Denise Richards, mas não devemos esquecer a interessante assassina, Maria Grazia Cucinotta, uma italianinha morena com ares selvagens. 
SAMANTHA BOND, A SEMPRE PRESENTE BOND-GIRL MONEYPENNY
Se bem que quero registrar a minha admiração pela bela coroa, Samantha Bond, a eterna bond-girl Moneypenny desde GOLDENEYE.


AS DUAS BOND-GIRLS, LINDAS DE MORRER

NOTA: 7,7 (11º lugar)

-x-

GUIA DOS EXTRAS DO BLU-RAY:

*COMENTÁRIOS: 1-Michael Apted/ 2-Peter Lamont, David Arnold, VIc Armstrong
*BONUS
   FINALMENTE LIBERADO: DOS ARQUIVOS SECRETOS DO MI6
     * Cenas excluídas e estendidas com Introdução de Michael Apted (12:49)
     * A perseguição de barco (01:10 min)
     * Cena estendida
     * Ângulo alternativo / Expandido
     * James Bond rio abaixo featurette (25:04 min)
     * Criando um ícone: Fazendo o teaser trailler (04:26 min)
     * Entrevista coletiva em Hong Kong (09:46 min)
   CONTROLE DA MISSÃO DE 007
     * 007 / BOND GIRS / ALIADOS / VILÕES / DEP. Q / LOCAÇÕES
   DOSSIÊ DA MISSÃO
     * O making of de WORD IS NOT ENOUGH (15:06 min)
     * Coquetel Para Bond (22:52 min)
     * Tributo a Desmond Llewelyn (03:22)
     * Clipe musical - The Word is not Enough com Garbage
     * Segredos de 007: Opções de vídeo alternativos (22:31)
   MINISTÉRIO DA PROPAGANDA
     * ARQUIVOS DE CINEMA, TV E RÁDIO
   BANCO DE IMAGENS